Apple pode lançar serviço de buscas para concorrer com Google, diz site


A Apple pode estar trabalhando em seu próprio serviço de busca para rivalizar com o Google. De acordo com uma reportagem publicada peo site Coywolf na última quinta-feira (27), uma série de indícios apontam para a possibilidade de que a empresa tente algo parecido com o Bing da Microsoft. O aumento na contratação de especialistas em mecanismos de buscas no ano passado e o uso do Spotlight, motor de buscas da Apple, para pesquisas via Siri fortalecem a aposta. O site, no entanto, pondera que, embora todos os sinais apontem para essa possibilidade, não há como garantir que um buscador da maçã seja mesmo lançado no futuro.

Site afirma que buscas por meio do Spotlight e da Siri no iOS 14 já podem estar ocorrendo por meio de um buscador próp. Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo Entre os indícios que o site lista como indicadores, está o crescente aumento de atividade do Applebot. O robô é um crawler de Internet – um tipo de robô que acessa milhões de páginas e indexa seu conteúdo para referência – bem parecido com os usados pelo Google. De acordo com o veículo, desenvolvedores do mundo todo têm observado um crescente volume de acessos em seus sites realizados pelo Applebot. Todo o esforço do robô da Apple teria a função de criar as referências para que o futuro buscador apresente resultados relevantes. Como indexar conteúdo é fundamental para gerar resultados em buscas, há quem associe essa atividade do Applebor com o desenvolvimento do buscador para rivalizar com o Google. Spotlight e Siri podem já estar respondendo pesquisas com resultados coletados pela própria Apple — Foto: Divulgação/Apple Outros indícios listados pelo site são um histórico de contratações de profissionais e engenheiros especializados em motores e algoritmos de buscas e o fato de que, na prática, a Apple já tem um buscador. O Spotlight, recurso usado para pesquisas dentro do macOS e iOS, é um motor de buscas que poderia ser adaptado para uso na Internet. O Coywolf, inclusive, observa que buscas de usuários via Spotlight e Siri em aparelhos com iOS 14 podem estar entregando resultados a partir de pesquisas geradas pela própria Apple, e não via Bing ou Google. O site AppleInsider, no entanto, pôs a alegação à prova e verificou em seus testes que os mecanismos, em aparelhos iOS 14, ainda parecem estar entregando resultados usando o Google como fonte. Outro ponto usado para contestar a ideia de que a Apple terá buscador próprio é o fato de que o Google paga bilhões de dólares ao ano para aparecer como serviço de buscas em dispositivos da Apple. Dessa forma, a maçã poderia perder bastante dinheiro com o investimento.

CAPASMANIA ACESSÓRIOS E CELULARES

CNPJ: 23.521.405/0001-70 - Rua. João Cachoeira, 899 - São Paulo - SP 04535-013

Tel: (11) 3168-1467 - sac@capasmania.com.br

  • Ícone cinza do Facebook
  • Ícone cinza do Twitter
  • Ícone cinza do Instagram
  • Ícone cinza do YouTube